O processo do despertar

As terapeutas Letícia Lima e Luciana Vilas Boas gravaram o primeiro episódio do podcast do Espaço Mercúrio. O assunto? Aquilo que mais nos move… O processo de despertar.

Ep #1 podcast Espaço Mercúrio

O processo do despertar

Neste texto você encontra um resumo dos temas conversados e fica aqui o nosso convite para ouvir o nosso bate papo, gravado com tanto carinho e inspiração.

O nascimento de uma ideia

O processo do despertar

A ideia nasceu de uma das conversas semanais do grupo de terapeutas do Espaço Mercúrio. No grupo, compartilhamos situações vividas, ferramentas e técnicas utilizadas, além de percepções e entendimentos do cotidiano e, por vezes comentávamos de temas e situações que rondam o imaginário e a vida real das pessoas – clientes e nós mesmas! – e assim, decidimos compartilhar em formato de podcast.

O processo terapêutico nos mostra que são muitos os caminhos para o autoconhecimento e, por isso mesmo, único e exclusivo de quem os vivencia, mas compartilhar percepções e aprendizados sobre o processo de despertar pode ser uma luz para quem está vivendo isso – consciente ou inconscientemente.

Esperamos que de alguma forma possamos contribuir com o seu processo de despertar.

Leticia Lima Terapeuta

Letícia Lima é terapeuta holística terapeuta reikiana e radiestesista.

Contato

Para agendamentos de ThetaHealing®, Oráculo das Deusas, terapia holística, radiestesia, thetahealing, divórcio energético, florais.

11 99163-0007

Ou deixe uma mensagem

O (processo do) despertar

Nas últimos décadas o autoconhecimento se tornou um tema pra lá de popular. Destaque em livrarias e best sellers, os assuntos sobre o consultório e o que acontece dentro dele, nunca estiveram tão em alta como hoje em dia. Mas afinal de contas, o que é o tal do processo do despertar?

Considero o despertar um processo. É claro que existe o momento em que “se desperta”, mas longe de ser um fato isolado, o despertar se faz diariamente, ao ir se desvendando e revelando os véus do ser.

Acredito que o caminho do autoconhecimento inicia quando surge o primeiro questionamento. Quem eu sou? De onde vim? Para onde vou? Qual a finalidade de tudo isso?

O despertar pode acontecer de uma hora para outra. De um dia para o outro. Basta piscar de olhos para dar espaço para “Por que eu faço o que faço do jeito que faço?”

Por ser um espaço holístico, as terapeutas do Espaço Mercúrio acreditam que os saberes ancestrais – astrologia, tarot, meditação, radiestesia – e energéticos, são um dos dos caminhos para o autoconhecimento e despertar de uma forma consciente e mais leve.

Dada a singularidade de cada ser, não existe receita de bolo. O despertar acontece de uma forma diferente para cada pessoa. As crenças que carregamos influenciam e direcionam este processo, por isso, olhar para elas com respeito

A nossa expectativa com este podcast é levar um pouco de clareza para quem está passando por isso.

Os desafios do despertar

Já parou para se perguntar qual o maior desafio do despertar? Na nossa humilde percepção, o maior desafio é a crença de ter o controle sobre tudo que nos cerca.

Planos foram feitos para serem mudados. Eles servem como um norte, um direcionamento para a jornada do despertar, mas a jornada não pode ser resumida ao plano, concorda?

Perceber que nada está sob controle pode ser desconfortante. Principalmente se você foi educado em um sistema que alimenta a crença de que a vida pode ser mantida sob controle, as pessoas e situações ao redor.

O processo do despertar – ep#1 podcast Espaço Mercúrio

Assim como a natureza, a vida é livre. Fazemos parte dos ciclos da Grande Mãe e temos nossos ciclos pessoais – como espelho da Grande Mãe. Conectar-se aos próprios ciclos, entendendo cada momento e funcionamento, assegura a sensação de controle sob si mesmo. Somente sob si mesmo. Isso pede conhecimento do seu próprio funcionamento, emoções e conexões, distinguindo o que é seu daquilo que é do outro.

Como tornar o despertar mais leve e divertido

Ir adiante permite se orgulhar do caminho trilhado

Ao se deparar com múltiplas possibilidades na jornada do despertar, é compreensível querer ficar no lugar em que se está. Felizmente o Universo é sábio e, nos direciona para as trilhas da jornada que vão nos conduzir a mudança.

Como tornar o despertar mais suave e prazeroso

Quanto mais aberto e conectado se está, se torna mais rápido e fácil perceber esta bela condução.

Quanto mais apegado e desconectado você se encontra, o processo pode se tornar repetitivo, solitário, e por vezes, doloroso.

Cada passo dado, por mais difícil que seja, é um salto adiante.

Se permita estar aberto e conectar-se as pessoas que o Universo coloca em seu caminho.

É comum se deparar com uma certa resistência ao se lançar – ou ser lançado para a mudança. Uma dica é perceber as questões que tem maior resistência. Comece se perguntando “de onde vem essa resistência?” “como ela veio parar aí?”

Procure a sua turma. Por vezes quando se está em busca de autoconhecimento, procurar a sua turma – pessoas conectadas aos temas e questões que te inspiram – é a saída, uma verdadeira luz no fim do túnel para tornar o despertar algo mais leve e divertido. Se não sabe como, fique aberto e perceba os movimentos que a vida está fazendo… estar lendo este texto pode ser um bom sinal, não acha?

Enfim… acolha a sua jornada. O seu EU futuro precisa das experiências do seu EU passado e das suas decisões do presente para se tornar a sua melhor versão.

Terapeuta Holística em Espaço Mercúrio
Letícia Lima é Coach, Mestra Reiki e Terapeuta Holística em São Paulo.
Sou uma eterna aprendiz. Apaixonada pela vida em todas as suas formas e faço do despertar um propósito de vida. Praticante de yoga e meditação, busco e compartilho uma forma de vida mais equilibrada e consciente.